Arquitetura & Decoração

escritórios

Notícias

A Mostra Artefacto Curitiba 2019 será inaugurada esta noite, 23 de agosto, com um evento que promete apresentar ambientes para ver, ouvir, sentir, tatear, degustar – e se inspirar. O tema da edição é Sense 5, um exercício de olhar para dentro de si e de se compreender primeiro, para somente depois entender o resto do mundo. “É quase um sixth sense, que aponta para o fato de que nunca vivemos tão interconectados. Nem a comunicação se deu em tempo tão real. Everywhere”, explica Paulo Bacchi. Para ele, os sentidos definem as experiências que temos na vida e as memórias que carregamos.

Nessa edição serão 20 ambientes assinados por 30 profissionais, mas o Portal Gerson Lima estará com exclusividade em apenas 02 deles, registrando tudo que vai rolar.
Gerson Lima estará com as Arquitetas Andréa Ponsonki e Jocymara Nicolau e Raquel Lima com os Arquitetos Claudia Horta e Edison Vello. 

 

Esta semana o talentoso Artista Plástico Luiz de Souza e a Empresária Cristiane Lissoni da ZOLI EVENTOS estiveram na Atitude na Cabeça, para levar o valor arrecadado em prol da Instituição, que há anos ajuda pessoas com seu projeto voltado para arrecadações de perucas, cabelos, lenços, chapéu, turbantes, bonés, boinas e etc.

Luiz de Souza criou uma Série chamada Mãe Natureza, onde em suas gravuras parte do que arrecada é convertida para esta ONG. Nesta série ele expressa todas as fazes que uma pessoa pode passar em virtude de uma doença devastadora, como câncer por exemplo, que pode deixar fraca e até sem vaidade, simbolizado como um dia cinza de inverno, mas sempre ao final relembra que a esperança ressurge a cada troca de estação, como na primavera e no verão, com suas folhas e flores voltando a ser saudáveis, evidenciando que a vontade de viver e forma de encarar e passar por esta fase difícil, pode fazer a diferença neste tipo de tratamento. Para pedir mais informações ou encomendas falar com Rodrigo Morais Escritório de Arte 41 99527-9000.

O Instituto Atitude na Cabeça é uma ONG que ajuda pessoas com anomalias que causa perda total ou parcial dos cabelos.
Fazem perucas para doar a pessoas que, comprovem baixa renda.
ara fazer uma doação de cabelo é necessário um corte correto, caso contrário não poderá ser utilizado e será jogado fora. Um corte correto é necessário que o cabelo de corte seja maior que 20cm.

Rua Francisco Rocha n°1544 – Bigorrilho – Curitiba – PR
CEP: 80730-390
Telefones: (41) 9146-1383
Email: atitudenacabeca@gmail.com
41 | 3015-0768

A empresa ZOLI EVENTOS EXCLUSIVOS atua no mercado de festas e eventos, oferece serviços personalizados e com excelência. Com um staff impecável, a ZOLI garante máxima organização, atendimento inigualável, carinho e cuidado com cada um dos seus clientes e respectivos convidados, proporcionando conforto e satisfação a cada evento. Realiza trabalhos de produção, assessoria e cerimonial para festas corporativas, casamentos, 15 anos, formaturas entre outros como jantares e confraternizações.

Av República Argentina, 1336 – Conj. 1411
Curitiba
41 | 99266-3450

Com inauguração nesta quinta (08.08), marca infantil de luxo irá somar a já conhecida Sonhos de Ninar

A especialista em artigos para bebês, Sonhos de Ninar, comemora mais um empreendimento. Tradicional em Curitiba, a loja amplia seu negócio e traz à cidade a primeira revenda exclusiva da Ameise Design, marca paulistana de decoração infantil. A Sonhos de Ninar by Ameise promete ao público um mix de produtos mobiliários, decorativos e de enxoval com uma linha inovadora e moderna, tudo para proporcionar um ambiente mais contemporâneo aos pequenos. Os empresários Gisele Carrão e Wagner Silva celebram a inauguração do novo negócio, localizado no bairro Hugo Lange, nesta quinta-feira, 08 de agosto, a partir das 18 horas.

No showroom de 400 m², serão mais de três mil itens da Ameise Design, que já é queridinha de famosos como Ivete Sangalo, Sabrina Sato e Fernanda Rodrigues. A novidade não compete com as duas lojas já consolidadas da Sonhos de Ninar, pois traz em seu portfólio produtos com um tom mais contemporâneo e que atende o público de até 10 anos.

“A Sonhos de Ninar by Ameise é uma fusão entre a nossa experiência no segmento infantil e o tom inovador da marca de São Paulo. O bacana é que, embora os produtos se diferenciem em estilo, os conceitos das duas marcas são muito parecidos: multifuncionalidade, simplicidade e qualidade”, afirma Wagner Silva.

O baixo impacto ambiental também é um fator muito importante para a marca. Os móveis são produzidos de maneira artesanal e com o uso de madeiras provenientes de manejo sustentável ou, então, de reflorestamento. Além disso, os retalhos são aproveitados em peças menores e os acabamentos são feitos com tintas à base de água, zerando a contaminação de afluentes no descarte.

Sobre a Ameise

Fundada em 2012 pelos arquitetos Luciana Raunaimer e Diego Verri, a Ameise vem se consolidando no mercado infantil como sinônimo de inovação e qualidade. O design diferenciado chamou a atenção de famosos como a influencer Mirella Santos e a apresentadora Sabrina Sato, que realizaram todo o projeto dos quartos das pequenas Valentina e Zoe com a loja. Além dela, a cantora Ivete Sangalo também se apaixonou pelo estilo Ameise, encomendando berços exclusivos para as gêmeas Helena e Marina.

foto: Renata D Almeida

 

foto: Renata D’Almeida

A loja possui uma flagship localizada no bairro Vila Madalena, em São Paulo. Ainda na capital paulistana estão localizados o espaço de criação, no Alto da Lapa, e o centro de distribuição, na Vila Anastácio. A loja de Curitiba abre portas para uma nova fase da marca, sendo a primeira filiada da Ameise no Brasil.

 

Serviço

Inauguração Sonhos de Ninar by Ameise
08 de agosto, quinta-feira, 18h
Rua Augusto Stresser 1756 – Hugo Lange, Curitiba – PR
Redes Sociais: @ameisedesigncuritiba | @aprimecomunicacao
Fotos loja Curitiba. Créditos: Patrícia Amancio

 

 

 

 

 

 

Foi entregue no último dia 30 de julho, o primeiro edifício da A. Yoshii Engenharia em Curitiba, o Maison Heritage Ecoville.

A luxuosa área comum do edifício assinada pela Spagnuolo Arquitetura e executada pela Florense Getúlio Vargas, incorporou o mobiliário fixo de todos os ambientes, portas de passagem revestidas, e painéis com os mais nobres acabamentos.

Destaque para o Salão de Festas, que conta com sua ampla área externa com o verde do bosque. O pé direito duplo e os painéis ripados dão o toque especial para este ambiente incrível, pensado em todos os detalhes.

Projeto: Spagnuolo Arquitetura
Execução: Florense Getúlio Vargas
Fotos: R. R. Rufino

Mostra, que será realizada no Palácio das Mangabeiras, entre os dias 03 de setembro e 13 de outubro, contará com 52 ambientes, assinados por 78 profissionais das áreas de arquitetura, design de interiores e paisagistas.

Os preparativos da 25ª edição da CASACOR Minas, que será realizada entre os dias 03 de setembro e 13 de outubro, no Palácio das Mangabeiras, seguem em ritmo acelerado. Prova disso, é que as obras de montagem dos 52 ambientes, que serão assinados por 78 profissionais das áreas de arquitetura, design de interiores e paisagismo, foram iniciadas no mês de julho. A expectativa é de que todos os ambientes estejam prontos para apresentação exclusiva para a imprensa, no dia 29 de agosto.

O tema que será apresentado neste ano será “PLANETA CASA“. A ideia por trás desse conceito é fazer com que os frequentadores tenham uma reflexão sobre como a nossa relação com o mundo influencia o nosso jeito de morar. O local escolhido para sediar a maior mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo do estado foi o Palácio das Mangabeiras, imóvel tradicionalmente utilizado como residência pelos governadores de Minas. Outras novidades interessantes acontecerão durante a mostra, como a abertura para visitação ao palácio do governo e o início do projeto de restauração do Jardim de Burle Marx, que será assinado por Nana Guimarães.

“Estamos radiantes com a oportunidade de comemorar 25 anos da CASACOR Minas em uma das construções mais emblemáticas do estado. Esperamos receber um dos maiores públicos da história”, destaca a diretora comercial Juliana Grillo, que aguarda um público de cerca de 70.000 visitantes ao longo dos 40 dias de visitação.

E para conseguir atrair milhares de visitantes, um time de peso formado por renomados profissionais e jovens talentos foi convocado para encantar os visitantes. Nomes como Flávio Bahia, que esteve na primeira edição da mostra, em 1995, está garantido, assim como Junior Piacesi, Estela Netto, Gustavo Penna e Pedro Lázaro. Outros expoentes com diversas participações ao longo de suas carreiras e que também estarão no time de 2019 são: Mário Caetano, Ângelo Coelho, Cristina Morethson, Estela Netto, Juliana Vasconcelos, Ana Bahia e Valéria Junqueira. Entre os paisagistas confirmados para esta edição estão nomes como Vera Valenzuela e Wanderlan Pitangui, além de Nana Guimarães.

Soma-se ao elenco Rodrigo Aguiar, Will Lobato, Rodrigo Castro, Rodrigo Maakaroun, Sílvia Carvalho, Luis Gustavo, João Lucas, Joana Hardy, Antônio Valadares, Tereza Valadares, João Diniz e Bel Diniz, José Lourenço, Fernanda Boratto, Nana Guimarães, Lucas Lage, Bárbara Drummond, Carolina Melgaço, Cynthia Silva, Valéria Junqueira, Gabriela Azeredo, Alex Roussef, Patrícia Pires, Tina Barbosa, Júlia Belisario, Carol Horta, Filipe Pederneiras, Katarina Polatscheck, Érika Steckellberg, Graziela Costa, Kívia Costa, Mira Mundim, Renata Paranhos, Sheila Mundim, Juliana Couri, Maria Gabriela Nogueira, Felipe Soares, Natacha Nacif, Érika Viana, Flávia Freitas, Flávio Lobato e Maria Luiza Amorim.

 

Entre os nomes estreantes desta edição estão Marina Diniz, Paula Guimarães, Nídia Duarte, Carla Cruz, Phelipe Pinheiro, Letícia Longuinho, Carolina Campos, Maria Clara, Igor Zanon, Daniel Tavares, Marcus Paschoalim, Bárbara Barbi, Murad Mohamad, Jéssica Martins, Felipe Costa, Atamar Lorrani, Francisco Mascarenhas, Carol Quinan, Andréa Pinto Coelho, Mário Caetano, Cristiano Sá Motta e Laura Penna.

 

Destaques


O projeto Casa Minério, assinado pela experiente Ângela Roldão em parceria com a Laminus Engenharia, apresentará uma estrutura modular feita 100% com rejeito de minério. A ideia surgiu ao observar a importância desse tipo de construção e do reaproveitamento deste material, principalmente, depois do rompimento das barragens de Mariana e Brumadinho. Para isso, foi projetada uma casa onde o piso, paredes e cobertura são produzidas essencialmente com rejeitos de minério. O ambiente ficará na área externa do Palácio, onde antes era um campo de futebol.

 

Presente pela primeira vez na mostra, Janaína Pacheco é a responsável pela arquitetura do projeto Casa dos Eucaliptos. O trabalho é feito em parceria com Maurício Bonfim, que assina todo o design de interiores e mobiliário do local. O conceito da casa é o de ser um ambiente totalmente integrado à natureza, uma vez que o espaço possui uma estrutura metálica com panos de vidros cercado por uma pequena floresta de eucaliptos. Dentro do ambiente, ainda será possível encontrar três modelos da espécie, que foram integradas ao projeto, além da oportunidade de contemplar a vista das montanhas. Espelhos serão colocados na natureza para fazer com que as pessoas olhem para si, em uma profunda ligação com o meio ambiente.

Em sua quarta participação na CASACOR, Flávia Roscoe assina o projeto Suíte do Governador. O conceito da montagem do ambiente nasceu da seguinte reflexão feita por ela: “O que é ouro para você?”. Essa observação tem como objetivo apontar as responsabilidades que os políticos que ocuparam o local possuíam, não no sentido material, mas no de valorizar o que é do povo, no verdadeiro propósito de habitar aquele espaço. Os visitantes encontrarão, ao longo do ambiente, tons discretos em dourado, uma mesa de trabalho, uma poltrona de leitura de frente para uma bela vista, uma mesa para tomar o café da manhã, um painel atrás da cama que remete à época da construção da casa na década de 1950, além de várias obras de arte. A ideia é criar a sofisticação e a leveza do acolhimento em um mesmo local.
Norah Fernandes e a estreante Bárbara Nobre são as responsáveis pelo projeto Gabinete. Por meio de uma pesquisa realizada para entender como era o uso do local, além de valorizar os objetos originais da década de 1950, as profissionais optaram por contar a história do lugar por meio da decoração. Peças como um painel e uma sanca de iluminação de estrutura metálica daquela época foram restauradas. Um sofá do período também será instalado no ambiente. Para trazer contemporaneidade, móveis no estilo Hi-Tech, como cadeiras ergonômicas, irão compor a cena. O grande diferencial é que o público encontrará um novo conceito de layout para escritório.

O Pavilhão Office, assinado por Fernanda Villefort, traz a concepção de espaço corporativo onde a afetividade ganha espaço e aproxima o usuário de elementos multissensoriais. O ambiente propõe um percurso em forma de galeria para contemplação e comunicação com a arte, além de uma setorização integrada entre três esferas: BUSINESS (reuniões/conexão com o outro) + MEETING (treinamento / palestras / conexão com o mundo) + COWORKING (trabalho individual / conexão consigo mesmo / foco). Uma grande bancada de apoio serve para oferecer desde o típico cafezinho até o atual happy hour. Já na parte da arquitetura, a proposta é de trabalhar com materiais naturais e muita integração entre o interior e o exterior. Para isso, foi criado um invólucro em aço corten com faixas ritmadas e intercaladas com o vidro incolor para gerar sensações e intensidades de luz também variadas. Há ainda a presença de um jardim vertical natural que dialoga com o entorno e enfatiza a importância da conexão com a natureza.

Um espaço de pesquisa e de descobertas. Assim, Ana Bahia e Sarah James descrevem o projeto Cozinha Funcional. O objetivo foi criar um espaço propenso às experiências, sejam elas sensoriais ou espaciais. A cena propõe diversas maneiras de uso e ocupação do local, como aulas de culinária, jantares, palestras e reuniões ao ar livre. Um dos pontos altos do ambiente é o design de mobiliário feitos com materiais como ônix, inox, pedra sabão e feltro, que serão utilizados de uma maneira inusitada. A arquitetura foi pensada como um bloco cujos ângulos não retos provocam diferentes visadas a cada ponto de partida.
 

Sobre o Palácio das Mangabeiras


Inaugurado oficialmente em 1955, o Palácio das Mangabeiras foi construído entre 1951 e 1955 para ser a residência oficial dos governadores de Minas Gerais. A edificação vem sendo utilizada para esta finalidade desde a sua inauguração, ocorrida durante o governo de Juscelino Kubitschek. Tudo indica que o projeto arquitetônico é assinado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. Já o projeto paisagístico original é de Roberto Burle Marx, duas grandes referências em suas áreas de atuação. Localizado aos pés da Serra do Curral, o Palácio segue o estilo modernista. Apesar de não ter as dimensões que outros palácios tradicionais da cidade como o da Liberdade, por exemplo, o Palácio das Mangabeiras tem uma importância histórica para a política de Minas Gerais, sendo palco de inúmeras reuniões e encontros decisivos.

 

Sobre a CASACOR Minas

A CASACOR é reconhecida como a maior e melhor mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas e reúne, anualmente, renomados profissionais. Em 2019 chega à sua 25ª edição em Minas Gerais e com mais de 20 eventos nacionais (Alagoas, Bahia, Brasília, Campinas, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Interior de SP, Litoral de SP, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, São Paulo e Santa Catarina) e seis internacionais (Miami, Peru, Chile, Equador, Bolívia e Paraguai).

 

Redes

SITE: www.casacor.com

FACEBOOK: www.facebook.com/casacorminas

INSTAGRAM: @casacorminas

 

Sobre a Multicult

 

A Multicult é uma empresa promotora de eventos diversos, entre eles a CASACOR Minas, que, em 2019, completa 25 edições ininterruptas. A proposta da empresa é promover e empreender projetos e iniciativas nas áreas de Cultura, Arquitetura, Design, Gastronomia e Urbanismo. O portfólio de ações desenvolvidas com a assinatura da Multicult reúne eventos diversos que se destacam por promover não apenas entretenimento, mas também uma plataforma de inspiração, informação e networking. Outro foco de atuação da empresa é a promoção de iniciativas que contribuam para a preservação da memória e da identidade urbana.

 

Redes

SITE: www.multicult.cc

FACEBOOK:  https://www.facebook.com/multicultpromocoes/

INSTAGRAM: @multicult.cc

 

 

Assessoria de Imprensa

Fábio Gomides – (31)99693-2767
Leonardo Cunha – (31) 99885-4302
Bruna Dias – (31) 98415-6545
João Dicker – (31)98841-9613
aduplainformacao@gmail.com
@aduplainforma

A estação mais fria do ano já chegou ao hemisfério sul. E se as baixas temperaturas do inverno, muitas vezes, nos inibem de sair de casa, então por que não deixar o lar aconchegante para uma programação caseira, com muito vinho e comidas quentinhas? Pensando nisso, a arquiteta Ana Johns, a frente do escritório Ana Johns Arquitetura, listou 4 dicas para deixar a casa aquecida neste inverno. Confira!

1 – Tecnologia para aquecer

Pensando em preparar a casa para o frio desde a sua concepção, podemos considerar tecnologias como aquecimento para o ambiente por meio de aquecedores elétricos ou a gás, que funcionam com radiador – aparelho que irá jogar calor para o cômodo. “Outra opção interessante é o uso de piso aquecido, que é instalado abaixo do revestimento do piso, emanando calor do chão. O ar quente é menos denso e sobe, aquecendo o ambiente por completo”, explica a arquiteta.

Para a região sul do país, onde a oscilação de temperaturas é grande, o ar condicionado com tecnologia inverter é uma excelente solução, pois aquece no inverno e resfria no verão. Para os banheiros, algo que pode facilitar no dia a dia no inverno é o toalheiro aquecido, que mantém as toalhas secas e quentinhas para serem usadas. “Todas estas soluções devem ser pensadas desde o início do projeto, pois demandam, no mínimo, uma fiação específica. E na hora de escolher a melhor opção, é importante pensar no custo de instalação e no gasto com o uso, para que seja algo viável.”, sinaliza Ana.

2 – Deixa o sol entrar

Ainda pensando em soluções de projeto, utilizar grandes aberturas de vidro para deixar com que o Sol entre nos ambientes é uma saída para manter a casa aquecida. A melhor fachada para receber o Sol é a face norte, onde terá incidência solar direta o dia todo. Já na fachada oeste, recebemos o sol da tarde, também sendo uma boa escolha para deixar a casa quentinha. “O cuidado deve ser tomado com a fachada Sul, que só tem a entrada de claridade, mas por não receber sol direto não aquece os ambientes”, complementa.

Segundo a arquiteta, para conservar o calor dentro da casa, vale a pena investir em boas esquadrias. As versões em PVC são uma ótima solução para resolver esta questão térmica (servindo também para proteger do som). E, se tiver um bom vidro ou melhor ainda, um vidro duplo, não deixa o frio entrar e nem o calor sair.

3 – Aposte nos acessórios

No inverno podemos tirar do armário as mantas que, além de decorar quartos e salas, ainda ajudam a aquecer estes ambientes. Da mesma forma, investir em capas de almofadas com tecidos quentinhos, como lãs, veludo e pele, também auxilia na sensação de conforto térmico. “Os tapetes são elementos que podem ser usados sem medo durante o inverno, principalmente nas casas com piso frio. Decoram, criam aconchego e protegem os pés do frio vindo do chão”, comenta Ana.

4 – O charme das lareiras

Existe a opção da lareira, tão tradicional quando pensamos em aquecer os ambientes. Esta pode ser a lenha, a gás ou a álcool. A última versão veio para resolver o problema da falta de infraestrutura para instalação de uma lareira que precise de duto de saída de ar. E se for dimensionada corretamente, aquece muito bem o ambiente.

As lareiras, inclusive, vêm sendo utilizadas em casas de praia, principalmente no sul do país. Uma boa solução, neste caso, é o uso do modelo a álcool, pois há a possibilidade de a guardar quando não estiver usando. “No projeto que fizemos no Balneário de Atami, foi criada uma estrutura em alvenaria onde a lareira é inserida, com bancos ao redor. Isso ao lado da piscina. Quando está quente, usamos a estrutura como uma mesa de apoio, mas se esfria, é só substituir a madeira pela lareira”, finaliza a arquiteta.

Sobre Ana Johns Arquitetura:

Ana Johns é arquiteta e urbanista formada pela Universidade Positivo e mestre em Sustentabilidade e Arquitetura Nórdica pela Universidade de Aalborg, na Dinamarca. Com experiência no ramo desde 2008, a profissional já desenvolveu trabalhos internacionais – no escritório Carvalho Araújo, em Portugal – além de atuar em diversos escritórios renomados em Curitiba, como o Maganhoto e Casagrande onde exerceu a função de gerente de projetos na área de arquitetura de interiores. Com essa visão diferenciada e ampliada da arquitetura, no início de 2016 fundou o escritório Ana Johns Arquitetura, com o objetivo de desenvolver de forma consciente projetos em todas as escalas.

Serviço:

Ana Johns Arquitetura

Rua João Kososki, 357, Ecoville, Curitiba – PR

www.anajohnsarquitetura.com.br

Embora ainda tímido, o home office vem ganhando espaço no Brasil e se tornando uma alternativa viável economicamente para muitas empresas. Segundo o Ibope, em 2018 apenas 20 % dos trabalhadores brasileiros desfrutavam deste método de trabalho, embora a pesquisa aponte que mais de 90% dos entrevistados desejariam um modelo mais flexível para suas carreiras. Quem pode trabalhar em casa só vê vantagens neste sistema, como melhor aproveitamento do tempo, maior produtividade, menos estresse e redução nos custos com deslocamento. A verdade é que o home office é uma tendência mundial e adaptar um espaço em casa para trabalhar se faz cada vez mais necessário.

Pensando nisso nasceu o projeto Home Office – Recanto Particular K9, assinado pelas Designers Josy Melo e Hevelin Buss, para a CASACOR Balneário Camboriú, que acontece de 07 de julho a 18 de agosto, no Bairro Ariribá. Esta é a segunda vez que a cidade receberá a mostra, cujo tema neste ano é ‘Planeta Casa’, trazendo o melhor da arquitetura, design e paisagismo para a região.

Para compor o home office com 18,20 m², as designers se inspiraram no mundo do futebol, com objetos e cores que remetem a um campo. O verde do gramado, por exemplo, está nas folhagens e no tecido de veludo do sofá, a cortina, também em veludo é tramada, que remete a rede do gol, o couro lembra a bola e o dourado representa o luxo do futebol. O projeto é uma homenagem ao atacante Keirrison, conhecido como K9, que já atuou em clubes como Santos, Palmeiras, Benfica e Barcelona. Para Josy Melo o espaço com tons de verde, dourado, cinza azulado e preto é uma mistura do clássico com o contemporâneo e pode perfeitamente ser montado em qualquer residência, dada a sua ergonomia e funcionalidade nas cores e na iluminação. “O espaço foi pensado para que a pessoa se sinta em casa”, diz a designer.

Entre os destaques do Recanto Particular K9, Josy elenca a tecnologia e a sustentabilidade, que vão ao encontro da proposta na mostra deste ano. O home office apresenta som e imagens, cortina automatizada, lareira à álcool automatizada, além de iluminação em duas cenas, uma para o trabalho e outra para o descanso, se assim desejar. “Um dos nossos diferenciais é a automação por comado de voz, o que há de mais novo no mercado. A base da mesa e o banco são de madeira reaproveitada, que desce nos rios em dias de chuva (trazidas pela enxurrada), ou mesmo árvores mortas naturalmente na natureza, o artista não derruba nem uma árvore para fazer seu mobiliário. Destaco também o Pendente Asa, que foi lançado na mostra de Milão. O designer Erlon Tessari desenvolveu essa peça devido à falta de uma opção que fosse regulável e que suprisse suas necessidades”, explicou Josy.

Entre as tendências utilizadas no projeto destaque para o dourado, muito utilizado no Salão Internacional do Móvel de Milão. A cor aparece em boa parte do escritório, inclusive na chapa de MDF laqueada, que lembram as pinturas metalizadas em carros.

Chama a atenção também a madeira ao natural e o jardim vertical, localizado na varanda, que remete a natureza, também muito presente em Milão nos tons verdes. Alguns troféus conquistados pelo homenageado K9, também compõem o ambiente. “Cada detalhe do nosso projeto foi pensado com carinho, inclusive a varanda, aproveitando bem o pequeno espaço com o jardim vertical, com a arte em folhas e galhos, pendentes que farão a harmonização de um verdadeiro refúgio. O diferencial de todo o espaço é o sofá verde, em veludo, com formas arredondadas e o detalhe em mármore também verde, peça desenhada exclusivamente por elas para a mostra, uma combinação perfeita, que vai conquistar quem passar pelo espaço. Simplesmente encantador”, disse Hevelin Buss.

Esta é a primeira vez que as designers dividem um projeto e as expectativas são as melhores para a mostra de Balneário Camboriú. Josy Melo estreou na CASACOR PR em 2017, quando assinou o ambiente Circulação Superior. Já para Hevelin Buss é a estreia na mostra. “Estamos super empolgadas. Nos unimos aos melhores parceiros e temos certeza que será um sucesso. Nossa expectativa é de que os visitantes venham, gostem e interajam com nosso espaço”, pontua a dupla.

Josy e Hevelin descrevem o ambiente como um cômodo da casa, e não apenas a extensão do trabalho. “O Recanto Particular K9 passa longe da agitação e do cotidiano, mas tem uma atmosfera perfeita, onde a interação com a natureza fica em evidência. Com decoração requintada, oferece uma experiência única e garante que cada instante se torne inesquecível para aproveitar ao máximo o aqui e o agora, com detalhes preparados para exaltar o aconchego sem perder nenhum toque de sofisticação”, finaliza Josy.

Sobre as Designers

 

Josy Melo

Bacharel em Direito, trabalhou um curto período na área, até se formar como Designer de Interiores. Possui escritório em Balneário Camboriú, na Rua 10, número 215. Já assinou apartamento decorado da construtora Thá, sob curadoria do Arquiteto paranaense Jayme Bernardo, além de projeto na mostra Tháad, (parceria do Grupo Thá com co-participação do Jornal Gazeta do Povo) em homenagem aos humoristas do Grupo Tesão Pipa, no edifício 7th Avenue Live & Woek, em Curitiba, além do ambiente na CASACOR PR 2017, pelo qual ganhou o prêmio de cumprimento de prazo da mostra.

Nasceu em Santo André, interior de São Paulo e atribui a Deus o talento e escolha pela profissão que exerce hoje. Transformou a casa inteira sem ter estudado e quem ali frequentava percebeu seu dom para a decoração, o que rendeu convite para trabalhos nas casas dos amigos. Incentivada a fazer o curso de Designer de Interiores, hoje Josy se emociona ao dizer que realmente ama o que faz e não se vê em outra profissão. “É um sonho realizado, quando realizo o sonho dos meus clientes, mal sabem eles que estou realizando o meu”, diz.

Seus planos para a carreira são obter reconhecimento e respeito pelo seu trabalho no mundo inteiro, assinando projetos mundo afora, quem sabe CASACOR SP, MIAMI, ou outras que surgirem, como DUBAI, brinca.

 

Hevelin Buss

A curitibana Hevelin Buss fará sua estreia profissional na CASACOR Balneário Camboriú. Formada em Design de Interiores e com escritório em Pinhais, no Paraná, Hevelin escolheu a profissão por acreditar que Deus nos concede dons. Após um período de constantes mudanças acompanhando o marido Keirrison, inclusive no exterior, a designer se inspirou em novas tendências e diferentes culturas para deixar os lares por onde o casal passou o mais confortáveis e aconchegantes possível para sua estadia. Para Hevelin, assim como um ambiente revitaliza uma casa, revitaliza também quem mora ou passa por ali. “Essa é minha intenção; levar conforto, beleza, estilo e bem-estar aos meus projetos e clientes”, diz.

A parceria com Josy Melo e seus fornecedores enche de expectativa a estreante Designer, que vê no projeto um grande começo de carreira e também uma linda homenagem. “Desde o início colocamos muito amor neste ambiente, buscando o melhor para o nosso homenageado, assim como para nossos clientes, sempre trabalhando com excelência, buscando reconhecimento e a conquista de nosso espaço, dentro e fora do país”.

 

CONTATOS

 

Josy Melo

(41) 9 9987-2898

e-mail: josy_0905@hotmail.com

instagram: josy_melointeriores

Facebook: Josy Melo

Escritório: Rua 10, 215, Centro, Balneário Camboriú/SC

 

Hevelin Buss

(41) 9 9991-2874

e-mail: hevelin_buss@hotmail.com

instagram: @hevelinbuss

Facebook: Hevelin Buss

Escritório: Rua dos Curiangos, 931, Alphaville, Pinhais/PR

 

SOBRE A CASACOR

Empresa do Grupo Abril, a CASACOR é reconhecida como a maior e melhor mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas. O evento reúne anualmente prestigiados arquitetos, decoradores e paisagistas. A mostra percorrerá 15 cidades brasileiras, 4 países da América do Sul e um da América do Norte.

Neste ano o conceito da mostra é “Planeta Casa” e apresenta o lar como universo particular de cada indivíduo, onde as mudanças e conexões surgem e transformam o entorno e a comunidade. São três pilares essenciais neste ano: afetividade, tecnologia e sustentabilidade,

 

BALNEÁRIO CAMBORIÚ

 

QUANDO?

07 de julho a 18 de agosto

Terça a Sexta, das 15h às 21h

Sábados e feriados, das 13h às 21h

Domingo, das 13h às 19h

O evento não abre às segundas-feiras.

 

ONDE?

Rua Rouxinol, 153, bairro Ariribá – Balneário Camboriú/SC

 

INGRESSOS

Inteira – R$50

Meia – R$25 (necessário comprovante)

Passaporte – R$100 – Pessoal e intransferível. (Não há meio passaporte).

OBS: Profissionais expositores poderão adquirir lotes adicionais de ingressos com desconto de 30%.

 

Assessoria de Imprensa / Agência A

Alex Ferrer (47) 9 9949 8554

Fabiana Rodrigues (47) 9 9932 9832

 

Ao entrar em uma clínica, seja ela de qual especialidade for, é comum ser atingido por uma infinidade de sensações como angústia, curiosidade, medo, expectativa, entre outras tantas. Porém, você sabia que detalhes na decoração do ambiente, como as cores escolhidas ou os itens dispostos pelo cômodo, podem interferir nas emoções dos pacientes? Este é um dos tantos desafios enfrentados pelos arquitetos no momento de criar um projeto, que envolve não só a parte estrutural, mas também a maneira como os futuros pacientes irão se sentir dentro daquele espaço.

Seja em um projeto inteiramente novo, ampliação ou em uma reforma de um ambiente pré-existente, o arquiteto precisa estar atento às diversas normas técnicas, que devem ser aprovadas por órgãos competentes como a Vigilância Sanitária, Prefeitura e Corpo de Bombeiros. “O mais importante é olhar todas as normas, para que o projeto esteja dentro do que é pedido e seja aprovado”, pontua a arquiteta Fernanda Bittencourt, da Traço Final Arquitetura e Interiores.

Em um período de quase três anos, a profissional atuou na construção de um projeto voltado à reforma de um espaço de 1.600m², onde atualmente funciona a Policlínica Luiz Mansur, no bairro Xaxim. Além dos desafios comuns a todos os projetos, a arquiteta foi responsável por pensar em cada detalhe do novo empreendimento, que comporta 34 salas de diferentes especialidades. Os consultórios dividem-se em indiferenciados e diferenciados, sendo que neste último funcionam especialidades que necessitam de equipamentos especiais ou que demandam sanitários anexos – além do atendimento às pessoas portadoras de deficiências –, como consultórios de ginecologia, proctologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, odontologia, etc.

Outro detalhe importante no projeto de um espaço voltado à área de saúde é a necessidade de seguir as normas no requisito de limpeza e sanitização. Pisos, painéis e papéis de paredes, por exemplo, devem ser resistentes a lavagem e ao uso de desinfetantes. Todas as superfícies devem ser lisas, monolíticas e possuírem o menor número possível de frestas e ranhuras, além de terem um nível pré-estipulado de absorção de água. “A tinta utilizada nas paredes ou na cerâmica deve ser lavável, a madeira não pode ser porosa ou muito absorvente, e tudo tem que ser de fácil limpeza. As venezianas, por exemplo, são de PVC por conta disso.

Com exceção das salas voltadas à Psicologia, todos os consultórios devem contar com pia, álcool em gel e sabonete líquido, e as torneiras devem ser automáticas. “As divisórias são de vidro, com molduras em madeira e com película. Desta forma, além de dar privacidade a quem está sendo atendido, também aproveita a iluminação ambiente, evitando o gasto excessivo com luz”, detalha Fernanda.

Porém, o que muitos não sabem, é que além de toda a parte técnica e estrutural, o arquiteto também é responsável por pensar detalhes da decoração como a disposição dos móveis, quadros e, até mesmo, a cor utilizada em cada ambiente. “Você não pode, por exemplo, deixar tudo tão claro ou tão branco, além de sujar com muita facilidade, pode passar uma impressão de estéril, deixando os pacientes pouco à vontade e lembrando ambientes hospitalares. Mesmo passando a sensação de serenidade, limpeza e calma, precisamos de outros tom no ambiente para ficar mais aconchegante”. Tons quentes, de acordo com a arquiteta, se utilizados de forma exagerada podem trazer à tona sentimentos como a irritação ou a inquietação, o que prejudica o paciente que busca por atendimento especializado.

Já nos setores infantis, o lúdico tem mais espaço para oferecer o aconchego necessário aos pequenos que, muitas vezes, têm receio dos médicos. “É importante que haja distração enquanto acontece o atendimento, para não causar mais medo ou a criança não se sentir acolhida”, diz. Essa maior liberdade também abrange os setores de circulação e recepção, que são considerados ‘cartões de visita’ pela arquiteta. “É importante não criar um ambiente muito cheio, para não passar a sensação de desorganização aos pacientes que estão esperando atendimento. Também é necessário se atentar para o conforto dos funcionários que, principalmente na recepção, passam a maior parte do dia sentados”.

O projeto desenhado e executado pela arquiteta conta com espaços médicos, recepção, salas de atendimento e consultórios de diferentes especialidades.

Sobre a Traço Final Arquitetura e Interiores

Fundado em 2010, o escritório se destaca por desenvolver projetos de arquitetura, design de interiores, reformas e gerenciamento de obras para áreas residenciais, comerciais, corporativas e empreendimentos imobiliários. O escritório prima pela qualidade dos projetos de forma singular, identificando suas características e seu contexto, unindo a preocupação estética com as melhores soluções técnicas e funcionais. 

Serviço:

Endereço: Rua Myltho Anselmo da Silva, 803 – Mercês
Telefone: (41) 4102 9606 ou (41) 98404 4145
Site: 
http://www.tracofinal.com.br
Facebook: 
https://www.facebook.com/tracofinalarquitetura/

 

Com centenas de pessoas que acompanham diariamente nossas publicações, o Portal Gerson Lima tem um público segmentado e com uma pegada de divulgação intrincada em Arquitetura e Décor, temos mais de 450 Arquitetos, Designers de Interiores, Decoradores, Artistas Visuais, Engenheiros Civis e Paisagistas cadastrados. Contamos também profissionais experientes que escrevem mensalmente suas Colunas, abordando temas como Moda e Décor, Minuto Jurídico, Sustentabilidade, Organizer e Paisagismo. Nossa maior audiência se concentra entre empresários, formadores de opinião, sociedade e jornalistas.

São mais de 18 anos ininterruptos no ar. O portal Gerson Lima já fez a cobertura fotográfica e divulgação de quase 2.800 Eventos e Ações de Visitas às Lojas.

Para torná-lo ainda mais eficiente, após uma análise atual de mercado, concluímos que uma Revista Digital – Portal Gerson Lima Business, onde podemos compilar eventos, projetos, patrocinadores e pessoas interessantes, fortalecerá ainda mais a valorização dos profissionais da área que podem mostrar de forma objetiva seu trabalho, prospectando novos clientes e parceiros, reforçando e integrando várias possibilidades de negócios.

Aqui estão a capa das duas primeiras Edições:

Também foram publicados este ano dois vídeos com o mesmo objetivo, com visualização de quase 1000 expectadores, cada.

Aqui no Portal Gerson Lima, primamos por oferecer a melhor qualidade de fotos e imagens, com agilidade no que se refere a destacar e divulgar nossos patrocinadores, clientes, profissionais da área.
Agradecemos a todos por contribuírem para o sucesso de nossa empresa!

 

A Baggio Revestimentos promoveu dropstalk com o conceituado palestrante Antonio Carlos Toze, Curador Cultural, especialista em Arte e Música, ele esteve em Curitiba na última semana. Durante o bate papo, Toze provocou os convidados, fazendo que se auto questionassem sobre como podem se desenvolver culturalmente para melhorar e diferenciar seu trabalho. Enfatizou que neste universo tão competitivo, cada profissional precisa se munir e usar técnicas para dominar informações em várias áreas ligadas a cultura, seja durante viagens guiadas para mergulhar na história de cada lugar, visitando museus e centros históricos, lendo livros ou pesquisando profundamente sobre determinadas regiões e costumes.

O conhecimento sobre a arte pode ser usado para encantar e conquistar seu cliente!”

Falou sobre a importância de não dar respostas vazias, como: “Eu sei quem é, mas não lembro o nome…”.
Alertou que em poucos minutos de conversa ou simples atitudes, é possível perceber seu nível de conhecimento, por isso estude seu cliente antes!

A mensagem que ficou foi: “Estudar, conhecer e apreciar a cultura de um modo geral, só pode agregar e trazer coisas boas na vida profissional, ela traz inspiração e eleva seu poder de criação, dando fundamento e propriedade aos projetos que desenvolver. Consequentemente vai mudar e evoluir a maneira de apresentar e dará conteúdo com muito significado ao seu projeto”.

O petit comité foi recebido na escritório da Baggio Revestimentos que fica no Edifício Acque Verdi, em Curitiba. 41 | 99967-2239.

 

Negócios de pequeno, médio e grande porte foram premiados pelo Sebrae e CNI pelo compromisso com a inovação e o desenvolvimento tecnológico

Cliente do Programa Agentes Locais de Inovação (ALI), do Sebrae/PR, a Boulle Móveis de Fundamento, de Curitiba, venceu em duas categorias do Prêmio Nacional de Inovação, representando o Paraná na modalidade pequenos negócios. Ao todo, foram reconhecidas 15 empresas de pequeno, médio e grande porte, de sete estados brasileiros, por investirem em processos e produtos inovadores. A premiação ocorreu durante o 8º Congresso Nacional de Inovação da Indústria, promovido pelo Sebrae e Confederação Nacional da Indústria (CNI), em São Paulo, nesta segunda-feira (10).

O diretor de Operações do Sebrae/PR, Julio Cezar Agostini lembra que, pela primeira vez na história, o Paraná foi finalista nas três categorias do Prêmio. “É um resultado expressivo para o estado ser finalista e vencer nas categorias. No caso específico da Boulle, uma pequena empresa e nossa cliente, é formidável poder divulgar a conquista, pois incentiva outros empreendedores a buscarem apoio para se fortalecer no mercado por meio da inovação”, aponta.

A Boulle desenvolve móveis exclusivos e funcionais de madeira maciça há 20 anos. A categoria de Inovação de Produto foi conquistada graças à fabricação de peças com matéria-prima sustentável e ecologicamente correta, a exemplo de árvores caídas ou submersas. A Lareira LUG, primeiro produto da empresa a ser fabricado em série, foi a principal inovação. A peça portátil é fabricada com bloco maciço de madeira certificada e inox e aquece 20m² por duas horas, utilizando álcool líquido.

Também vencedora na categoria Destaque Saúde e Segurança no Trabalho, a empresa que tem 30 colaboradores, nunca registrou afastamentos por acidente ou doenças de trabalho. A mesma realiza treinamentos, campanhas de conscientização e padronização de processos em nome da segurança, saúde e ergonomia. A preocupação se estende aos parceiros e fornecedores.

Segundo o diretor e designer da Boulle, Rodolpho Gutierrez, receber a premiação é um reconhecimento à profissionalização da empresa, que é familiar. “Ganhar um prêmio em nível nacional concorrendo com empresas sérias e organizadas é muito significativo. O mérito é de todos os colaboradores, de todos que acreditaram, porque o nosso trabalho envolve muitas mãos”, avalia.

Ele acrescenta no processo de inovação que vive a empresa, o programa ALI tem papel fundamental, tendo contribuído para a abertura de novos mercados. Os produtos Boulle hoje são comercializados nos mercados interno e externo, com representantes nos Estados Unidos, Canadá e Europa.

O Prêmio Nacional de Inovação é dividido em três modalidades, definidas por porte das empresas. O Paraná teve representantes em todas elas: além da Boulle, em pequenos negócios, a Angelus Indústria de Produtos Odontológicos, de Londrina, venceu entre as médias empresas e a Aker Solutions do Brasil, de São José dos Pinhais, entre as grandes.

Fonte: http://www.pr.agenciasebrae.com.br

Colunistas

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Acesse Agora!

Scroll Up