Gerson Lima e Raquel Lima

Dicas Jurídicas


gersonlima.com.br

contato@gersonlima.com.br

(41) 91871908


Atualmente seu trabalho está focado na produção fotográfica para os segmentos: Arquitetura e Decoração, Corporativas e Eventos Sociais.

Arquitetura & Decoração

escritórios
18 abril 2016

Os Médicos, Consultas Gravadas e as Redes Sociais

O Conselho Federal de Medicina não explícita com segurança as vedações sobre consultas, pareceres e diagnósticos nos famosos meios de comunicação em moda hoje, como o WhatsApp. Mesmo tendo impedimento quanto a esses procedimentos acima mencionados, se ressalva tais atos, ao bom senso do Profissional de Saúde, em relação , aos pacientes já atendidos em consultório/clinica, mas apenas para sanar dúvidas, tais como a posologia de medicamento prescrito, ou algo muito genérico.

Pois bem, essa consulta informal não pode substituir a presencial, sob pena do Profissional ter sua conduta questionada perante o Conselho de Ética da classe. Há cada dia, temos sido consultados sobre essas interações médico/paciente, e a nossa orientação é para que se evite ao máximo esse tipo de contato. Mesmo os chamados “médicos de família”, aqueles profissionais que tem histórico de atendimento em todos os membros de uma unidade familiar, e, com certeza, os conhecem bem, estão sujeitos a uma onda que infelizmente, tem se tornado frequente, a famosa “indústria do dano moral”.

Gostaria de chamar a atenção, para o fato de que, hoje, na grande maioria das cidades, existem plantões médicos, sejam públicos ou privados, e caso o profissional acionado, não possa elaborar a avaliação pessoal, deve, para sua própria proteção pessoal e profissional, encaminhar esses pacientes para estas unidades, apenas colaborando no momento, com eventuais recomendações quanto a interações medicamentosas que possam piorar o quadro, caso o médico plantonista não disponha dessa informação.

Para finalizar, aos profissionais da área de Estética ou de Cirurgia Plástica, cujas especialidades tanto tem sofrido processos, muitas vezes, apenas movidos pela ganancia de ex pacientes, ou por problemas decorrentes da falta de respeito desses, quanto aos cuidados de pós operatório ou pós procedimentos, vários tem nos questionado quanto a filmagem das consultas, para acompanhar o prontuário.

Saliento aqui, que apesar de ser possível, desde que expressamente autorizado pelo paciente, tal procedimento não substitui um prontuário bem elaborado, onde se deve colocar QUALQUER informação repassada ao paciente, pois este documento, é prova inequívoca da realidade das orientações ofertadas ao mesmo, tais como, proibição de viagens, se evitar exposição ao sol, não carregar peso, entre tantos outros.

Mas como a filmagem envolve direito de imagem, que pode ser questionado posteriormente, sugerimos aos nossos clientes, a gravação em áudio das consultas, também com a anuência do paciente, mas de mais fácil armazenamento, podendo ser imediatamente incorporada ao prontuário, além de ter custo benefício menor.

Lembrem-se : A precaução no atendimento, diminui em 80 (oitenta) por cento, as demandas judiciais, que esses profissionais podem sofrer. As gravações, aliadas aos termos de consentimento atualizados, sempre com a legislação atual, são as melhores garantias que os profissionais da saúde possuem, pois, conhecimento e honestidade, eles tem de sobra, mas existem pacientes e… pacientes.

Os Médicos, Consultas Gravadas e as Redes Sociais 02

Os Médicos, Consultas Gravadas e as Redes Sociais 3

Ficha Técnica:

Imagens: guiadocumentos.com.brifanbr.wordpress.com

Foto pessoal: Gerson Lima

Publicação: Raquel Lima

Texto enviado por: Dr. Urbano Dedier Sanson

ÚLTIMAS COLUNAS

O sabão feito com óleo de cozinha é biodegradável? O que é possível fazer para reaproveitar aquele óleo que já não serve mais para fritura? Essas são as dúvidas das leitoras Bruna e da Vágila Frota.

A primeira resposta é para a Bruna. O sabão caseiro é biodegradável, pois é decomposto por micro-organismos em um curto espaço de tempo. Mas atenção: o fato de ele ser biodegradável não significa que não possa causar algum dano ao ecossistema. O sabão é eliminado na água junto com a sujeira e, quando chega ao esgoto, se este não for tratado corretamente, vai para rios e lagos. Dessa maneira, ele pode se tornar um agente poluidor.

Hoje, talvez pela exposição de pessoas ditas famosas, cujas fotos foram divulgadas na internet, foi criada a Lei 12.737/2012, também conhecida como Lei Carolina Dieckmann!…