Coluna: Cerimonial/Festas

Quando começo a organizar um casamento, inicio definindo o conceito da festa com base no briefing passado pelo cliente. Isso é fundamental para escolhermos o local ideal e os fornecedores corretos. Mas falando sobre decoração, existem alguns passos importantes para delinear e iniciar um projeto de decoração.

A maioria das pessoas quando decide fazer uma festa procura primeiramente contatar um cerimonial, pois desconhecem o papel do produtor. Porém, para quem busca uma festa de qualidade e bem organizada, contratar um produtor é fundamental. Saiba qual a diferença entre esses dois serviços e o que eles podem contribuir para a sua festa.

Quando você decidir fazer uma festa, tenha em mente que não será possível fazê-la sozinho. Assim como um apartamento novo precisa de um projeto de um arquiteto, uma festa precisa de um produtor para organizar o evento e criar um projeto de decoração. Por isso, o primeiro passo é contratar um produtor. Eu já havia comentado na matéria anterior qual a importância do produtor, mas vale ressaltar que somente depois de contratá-lo é que será possível dimensionar o evento e fazer um planejamento. Isso deve ser feito com um a dois anos de antecedência.

O segundo passo é definir a quantidade de pessoas que serão convidadas. Muitos caem no erro de primeiro reservar um local para a festa, e depois fecharem a lista de convidados, que normalmente tende a ser diferente do que se pretendia. Por isso, é importante conversar bem com os familiares para ter certeza de quantas pessoas cada um poderá incluir na lista.

Feito isso, o terceiro passo é definir o local e a data do evento, incluindo a reserva de igrejas. Ao escolher um espaço, verifique se o tom neutro prevalece no local e quais mobiliários estão disponíveis, pois isso facilitará caso você não possa investir muito em decoração. Também é importante verificar documentações como o alvará de funcionamento. Alguns espaços são muito visados e concorridos, por isso, o ideal é reservar o local da festa com cerca de um a dois anos de antecedência.

O quarto passo é delinear o evento. Começando por elaborar uma estimativa de custos, e se possível, separar um montante para cada serviço. Na prática, é possível calcular um valor final que se pretende gastar na festa, mas vale lembrar que o céu é o limite quando se trata de sonhos e expectativas. Por fim, faça um planejamento de atividades e serviços que devem ser contratados, iniciando as contratações pelos profissionais que possuem exclusividade de data, ou seja, atendem a apenas um evento por ocasião.

O layout de mobiliário é importante para concluir o delineamento da festa. Esse é o quinto passo. Cabe ao produtor elaborar um projeto de decoração e alinhar todos os profissionais para que a festa tenha apenas uma linguagem e aconteça de forma organizada.

Caso seja de seu interesse, no site da Royal Guide há um checklist completo para se organizar uma festa, para visualizar, acesse: http://royalguide.com.br/2014/07/24/check-list-completo-para-organizar-uma-festa/

O casamento dos sonhos não existe apenas nos filmes, se os noivos souberem escolher os melhores profissionais que atendam ao perfil da festa, ela tem tudo para ser perfeita.
O segredo para isso é ter alguém de confiança, que tenha experiência e bom gosto, e saiba direcionar os noivos para os fornecedores corretos. Esse alguém é o produtor da festa.
O produtor é responsável por delinear o evento junto com os anfitriões, preparar um cronograma de atividades, gerenciar os fornecedores, cuidar da agenda do casal, e orientá-los sobre todos os serviços disponíveis para a festa. Por isso, para usufruir plenamente desse serviço, os anfitriões devem contratar este profissional logo após definirem a data da festa.

Carregar mais
Scroll Up